fbpx
sábado, novembro 16
Série Sintonia

Sintonia: a série que mostra a realidade das periferias brasileiras

Doni, Rita e Nando, são três grandes amigos, moradores da Vila Áurea que estão tentando mudar de vida e fazer dinheiro dentro da comunidade. Para entender melhor a trama desses personagens, confira nosso texto.
0
141

A série Sintonia, criada por Guilherme Quintella, Felipe Braga e KondZilla, o dono do sexto maior canal do YouTube do mundo inteiro, revela ao público como é a realidade das favelas de São Paulo.

Na comunidade fictícia chamada Vila Áurea, vivem três grandes amigos: Doni, Nando e Rita. Os jovens seguem caminhos de vida completamente diferentes, Doni quer ser MC, Nando se envolve com o crime e Rita vê na religião uma grande oportunidade de mudar de vida.

O trio não deixa que nada abale a amizade e se mostram cada dia mais parceiros conforme vão enfrentando os problemas relacionados ao cotidiano da periferia.

Sintonia estreou na Netflix em 9 de agosto de 2019 e foi um verdadeiro fenômeno entre os brasileiros, principalmente entre os jovens de classe média baixa que moram nas periferias, pois o conteúdo da série foi pensando justamente para representar a população esquecida das favelas.

Se você ainda não viu, veja agora o trailer da série Sintonia

Sintonia não é sobre funk, é sobre a vida na periferia

Se engana quem pensa que a série Sintonia é sobre o funk paulistano. O estilo musical serve apenas de plano de fundo para toda a trama que tem o roteiro focado em contar a realidade dos jovens da favela.

Outro ponto importante na produção da série, é que a linguagem utilizada nos diálogos é cheio de gírias típicas das favelas paulistas, para reforçar que a série é sobre a periferia e sobre a pluralidade presente nesse cenário.

Os personagens principais da série Sintonia. Da esquerda para direita: Nando, Doni e Rita.

Os personagens principais da série Sintonia. Da esquerda para direita: Nando, Doni e Rita.

A produção mostra com muita originalidade como é a favela a partir da visão dos personagens principais e a partir disso consegue romper as barreiras estabelecidas na cabeça das pessoas que de os moradores da periferia são todos iguais e têm a mesma visão de mundo.

Veja Também:

A produtora de Alice Braga ajudo na produção da série Sintonia

Alice Braga, a renomada artista brasileira, é uma das responsáveis pela produção da série.

Ela, juntamente com o diretor Felipe Braga e a produtora Rita Moraes, formam a empresa LosBragas, a produtora que foi responsável por fazer a série Sintonia sair do papel e ir para as mãos da Netflix. 

Integrantes da produtora LosBragas. Da esquerda para direita: Rita Morais, Felipe Braga e Alice Braga.

Integrantes da produtora LosBragas. Da esquerda para direita: Rita Morais, Felipe Braga e Alice Braga.

KondZilla tinha pensado em fazer uma filme para contar a história da favela, mas a produtora LosBragas foi a responsável por transformar esse projeto em uma série de seis episódios, que viria a ser distribuída para mais de 120 países.

Alguns dos personagens do seriado são ex-detentos 

Outro fato interessante sobre a série Sintonia é de que uma parte dos integrantes do elenco não são atores profissionais. 

Eles são ex-detentos que conheceram o teatro dentro das penitenciárias e que depois de cumprirem a pena, foram selecionados para participar do seriado e desenvolver papéis na trama. 

Um dos ex presidiários que foi escalado para o elenco da série Sintonia.

Um dos ex presidiários que foi escalado para o elenco da série Sintonia.

Os produtores decidiram por ter esses atores dentro do elenco da série para dar oportunidade de uma vida nova para pessoas que sempre encontram uma vida real mais muda e sem muitas perspectivas logo após sair do presídio.

Para saber mais sobre os personagens que foram escolhidos para esses papéis, leia a matéria do Estadão.

Não se sabe ao certo se haverá uma segunda temporada

A Netflix ainda não confirmou se a segunda temporada da série Sintonia será produzida.

E se você ainda não viu nem a primeira, agora é o seu momento de aproveitar e maratonar essa super produção brasileira, enquanto aguarda para saber se terá ou não uma continuação.

Todos os seis episódios estão disponíveis na Netflix e tem apenas 40 minutos cada. Vale muito a pena prestigiar esse conteúdo extremamente brasileiro e realista.