fbpx
segunda-feira, setembro 16
Personagens Femininas da Marvel

Conheça 10 personagens femininas da Marvel

As personagens femininas da Marvel, criadas por Stan Lee, vem ganhando cada vez mais espaço nas HQs e no cinema. Que tal conhecer algumas delas mais a fundo?
4
323

Stanley Martin Lieber, o famoso Stan Lee, foi o criador de inúmeros personagens lendários das HQs da Marvel, como o Homem-Aranha, Incrível Hulk, Doutor Estranho etc. Mas e as personagens femininas da Marvel, criadas por Stan Lee, você conhece?

Elas geralmente não ganhavam muito espaço nos cinemas e não eram muito divulgadas na época das HQs, porque havia um machismo enraizado em toda a sociedade que acreditava que as mulheres não poderiam ser tão poderosas.

Mas como as coisas vem mudando (ainda bem!), elas estão cada dia mais em evidência e é por isso que separamos uma lista com as 10 personagens femininas da Marvel criadas por Stan Lee.

Girl Power: conheça 10 personagens femininas da Marvel

1. Mulher Hulk

Mulher Hulk

Mulher Hulk (ou She-Hulk) das história em quadrinhos. Fonte: Aficcionados.

A estreia de sua história aconteceu na HQ chamada “Savage She-Hulk #1”, em 1980.

Jennifer Walters é prima de Bruce Banner, o Incrível Hulk. Ela é filha de um conhecido xerife de Los Angeles (LA) e por conta disso, acabou sendo baleada por agentes do mafioso Nicholas Trash, que quiseram matá-la para colocar medo em seu pai.  

Ficou entre a vida e a morte no hospital e precisava muito de uma transfusão de sangue. Por ironia do destino, a única pessoa de sua família que tinha o mesmo tipo sanguíneo que o dela, era seu primo e foi ele quem salvou sua vida.

Porém, o sangue de Hulk possuía elementos radioativos mutagênicos que foram passados para Jennifer durante a transfusão e foi assim que ela ganhou a sua capacidade de se transformar na Mulher Hulk (She-Hulk).

Ao contrário de Hulk, Jennifer quando se transforma em Mulher Hulk consegue controlar seus instintos e mantém sua inteligência. E ela também consegue se transfigurar quando quer.

Ela trabalha como advogada na empresa Goodman, Lieber, Kurtzberg & Holloway. Jennifer atua no campo das Leis Super-Humanas e seu trabalho lhe permitiu defender muitos heróis e também grandes vilões.

Além de tudo isso, Jessica Walters ainda faz parte dos Magistrati, que são os responsáveis pela administração da lei universal, e são também os que respondem perante o Tribunal Vivo.

Mulher Hulk é um verdadeiro mulherão, né?!

2.Viúva Negra

A Espiã da Marvel, Viúva Negra uma das personagens femininas da Marvel

A espiã Natasha Roamanoff, a Viúva Negra. Fonte: Observatório do Cinema.

Natasha Romanoff, a Viúva Negra, nasceu na Rússia enquanto a Segunda Guerra Mundial ainda estava acontecendo.  Durante a Batalha de Stalingrado, os nazistas estavam ateando fogo em toda a cidade. O prédio em que Natasha e sua mãe estavam foi alvo de um desses ataques.

Para salvar a criança, a mãe de Natasha atirou a filha pela janela para que um soldado russo salvasse da criança… E foi assim que tudo começou.

Petrovich (o soldado) criou Natasha como sua filha adotiva, mas quando já tinha atingido uma certa idade, foi levada para a Sala Vermelha. Um local onde ela recebia um treinamento de espionagem e combate que faria dela uma incrível espiã.  Lá ela foi aprimorada tanto psicologicamente quanto biologicamente.

Natasha se tornou a melhor agente da turma e recebeu o título de Viúva Negra, depois disso, ela passou a ser uma agente secreta da KGB.  

Seu primeiro contato com o mundo dos heróis foi quando em uma missão, ela foi mandada aos Estados Unidos, junto com Boris Turgenov, para matar o Professor

Anton Vanko (um desertor da União Soviética).  

Boris e a Viúva Negra usaram uma armadura de Dínamo Vermelho para enfrentar o Homem de Ferro, mas mesmo assim foram derrotados.

Para enfrentar Tony Stark mais vezes, a Viúva Negra ganhou outro parceiro, Clint Barton, o Gavião Arqueiro. Em uma dessas batalhas, Natasha foi ferida e Clint precisou fugir para que a vida da espiã russa fosse salva.

Depois desse episódio, todos perceberam que a Viúva Negra estava apaixonada pelo Gavião Arqueiro, inclusive a KGB. Isso levou os membros da organização a pensar que esse sentimento seria capaz de enfraquecer a lealdade ao país, por isso, eles atiraram contra Natasha e a sequestraram em seguida. Foi essa atitude que fez com que Clint mudasse de lado e se unisse aos Vingadores.  

Ao ser sequestrada, eles submeteram Natasha a mais uma lavagem cerebral, e agora ela estava pronta para defender o seu país mais uma vez, mas agora contaria com a ajuda de mais dois vilões para destruir os Vingadores. Porém, o plano não deu certo e os super-heróis derrotaram os inimigos.  

Com a ajuda do Gavião Arqueiro, os Vingadores conseguiram reverter os efeitos da lavagem cerebral. Depois do procedimento e com a consciência retomada, a Viúva Negra decidiu romper de vez com a Rússia, se tornou uma agente freelancer da S.H.I.E.L.D e também presta assistências informais aos Vingadores.  

Sua primeira aparição nas HQs aconteceu em 1964, na revista chamada Tales of Suspense.

Jean Grey

Jean Grey, a super-heroína do grupo X-Men uma das personagens femininas da Marvel

Jean Grey, a super-heroína do grupo X-Men. Fonte: Sociedade do HQ.

Quando Jean Grey tinha 10 anos, ela passou por uma situação extremamente traumatizante e foi isso que fez com que seu superpoder aparecesse.

Sua melhor amiga foi atropelada e acabou morrendo enquanto as duas brincavam juntas. Ao presenciar a morte de sua amiga, Jean passou então a sentir, em sua cabeça, os mesmos sentimentos de sua amiga. Tudo isso eram seus poderes telepáticos entrando em ação.

Tal ocorrido fez com que ela fosse levada a um esgotamento mental e psicológico, fazendo com que os próximos anos fossem muito complicados para ela e sua família.

Seus pais ficaram muito preocupados e então resolveram procurar uma ajuda especializada. Foi nesse momento que apareceu o Professor Charles Xavier.

Quando o Professor Xavier teve o seu primeiro contato com a jovem Jean, logo ele percebeu que ela tinha poderes telepáticos e que se isso não fosse controlado, poderia ser muito perigoso para ela e para todas as pessoas ao seu redor.  

Por isso, ele imediatamente começou a treinar a garota, fazendo ela lidar com o sentimento de perda de sua melhor amiga e também fazendo ela controlar seus superpoderes.

Jean Grey foi submetida a um período de amadurecimento para que ela conseguisse controlar seus poderes com mais facilidade ao longo do tempo, por isso foi colocado uma barreira mental em seus poderes. Quando o Professor Xavier decide montar um grupo capaz de ajudar os humanos e os mutantes, ele tira essa barreira de Jean e deixa a garota participar da Escola de Mutantes do Professor Xavier.

A princípio ela se chamava Garota Marvel, mas abandonou esse nome para ser chamada apenas de Jean Grey. A personagem mais poderosa dos X-Men.

E depois de 53 anos da criação da personagem, resolveram valorizar essa heroína injustiçada e agora ela ganhou uma série de HQs solo.

É agora que a gente grita: QUE HINO DE MULHER!

Feiticeira Escarlate

Feiticeira Escarlate usando seu poder, ela é uma das personagens femininas da Marvel

Feiticeira Escarlate usando seu poder. Fonte: Aficcionados.

Feiticeira Escarlate é uma das personagens femininas da Marvel e tem uma história surpreendente.

Feiticeira Escarlate é uma mutante, sabe o que isso significa? Significa que seus poderes nasceram a partir de uma mutação no gene de seus pais, que foram passados a ela.  

Escarlate não teve uma edição de revista somente sua, mas fez aparições nas HQs de Vingadores, X-Men, etc. Seu irmão gêmeo é Mercúrio, que também possui mutações genéticas.   

Ninguém sabia ao certo quem era o pai dos dois, mas alguns anos mais tarde foi revelado que eles são filhos de Magneto. Eles nasceram na Montanha de Wundagore – Trânsia, e também não sabiam quem era seu progenitor.  

A mãe de Escarlate, Magda, fugiu de casa ainda grávida logo depois de ter presenciado uma manifestação dos poderes de seu marido. Enquanto Magda estava na Montanha, ela contou com a ajuda de Bova, uma vaca que foi geneticamente evoluída pelo Alto Evolucionário.   

Feiticeira Escarlate ou Wanda, foi entregue, juntamente com seu irmão, para um casal de ciganos – os Maximoff.  

Na noite em que Wanda nasceu, estava acontecendo uma tempestade sobrenatural, e foi assim que ela ganhou seu potencial místico, que afetou diretamente seus dons mutantes, fazendo com que ela conseguisse canalizar dentro de si muitas energias caóticas, ou seja, toda essa mistura de poderes virou um verdadeiro caos dentro dela.

Os pais adotivos da Feiticeira Escarlate e de Mercúrio não aceitaram mais os irmãos quando eles começaram a manifestar suas mutações e expulsaram-nos de casa. Os dois começaram a vagar como nômades pela Europa Central até serem encontrados por Magneto. Os dois não concordavam muito com as ideologias de seu pai Magneto, mas mesmo assim se submetiam às ordens, porque se sentiam ligados a ele por medo e também obrigação.

Eles passaram então a ser parte da Irmandade dos Mutantes, mas na revista de número 16 da série Vingadores, os dois irmãos procuraram redenção junto aos heróis e se tornaram defensores da ordem e da lei.

Dentro da equipe dos Vingadores, Escarlate passou a se sentir mais segura para desenvolver suas habilidades e seus poderes começaram a evoluir muito. Ela chegou até a se tornar líder dos Vingadores por um curto período de tempo. Esse fato fez com que Visão, um sintozóide do grupo, se apaixonasse por Wanda. Visão e a Feiticeira se casaram.  

Tudo parecia ir bem na vida do casal, até que um dia Escarlate descobriu que os filhos que ela havia tido, foram frutos de seus poderes usados de forma inconsciente. Ela mesma gerou os filhos, que não viveram por muito tempo e isso gerou uma grande crise em seu casamento.  

O casamento terminou, mas não por esse motivo. O governo americano passou a considerar Visão um verdadeiro perigo para a humanidade e o desmantelou.  

Wanda também viveu um romance com Magnum, mas também não obteve muito sucesso. Como era de se esperar, ela enlouqueceu, atacou e matou muitos de seus companheiros, provocando assim, o fim da equipe.  

Depois de todo esse fim trágico, Magneto resolve ajudar a filha, raptando-a e levando-a até o Professor Xavier para

Mulher Invisível

A heroína Mulher Invisível

A heroína Mulher Invisível, uma das personagens femininas da Marvel.

Sue Storm não tem uma história de vida muito fácil. Quando ela ainda era uma criança, sua mãe faleceu em um acidente de carro e, então, ela e seu irmão ficaram somente com o pai. Porém, ele se tornou um alcoólatra e mais tarde veio a ser preso por assassinato.  

Sue e seu irmão foram morar com a tia, os dois tinham 12 anos de idade.  

Ela estava infeliz com a sua situação e decidiu seguir Reed (Senhor Fantástico) para a Califórnia e ajudá-lo com seu grande projeto. Ela tentou se tornar modelo e celebridade, mas não obteve muito sucesso.

Quando Reed perdeu o apoio do governo americano para seu projeto, Sue e seu irmão decidiram ajudá-lo e entraram para a tripulação. Em meio a uma expedição, ela foi atingida por raios cósmicos e assim nasceram seus poderes.

Nas primeiras HQs em que apareceu, ela possuía apenas a habilidade de se tornar invisível, mas Lee e Kirby perceberam que isso era muito menos do que ela merecia, então também lhe deram o poder de criar campos de força.

Desde então, ela vem sendo considerada uma das heroínas mais poderosas da Marvel e também do Quarteto Fantástico. Sendo capaz de derrotar até o Hulk em uma de suas grandes batalhas.

Uma das situações mais difíceis que a heroína enfrentou, foi quando ela tinha acabado de perder um filho e o Homem-Psíquico aproveitou de sua tristeza para aumentar suas emoções negativas e transformá-la na vilã conhecida como Malice.

Em sua nova versão, ela atacou o Quarteto-Fantástico, mas o Sr. Fantástico conseguiu ajudá-la a voltar ser quem era.

Apesar da Mulher Invisível ser uma das heroínas mais conhecidas da Marvel, ela ganhou pouco destaque nas histórias, fazendo parte apenas das equipes do Quarteto Fantástico e da Fundação do Futuro.

Karen Page

Karen Page e o Demolidor - personagens femininas da Marvel

Karen Page e o Demolidor. Fonte: Aficcionados.

Karen Page nasceu em uma família rica e era a filha perfeita para os pais, tirava boas notas e era até líder de torcida. Mas depois que adquiriu uma certa idade, ela decidiu se mudar para Nova York para trabalhar e conquistar sua independência.

Logo depois de chegar em NY, ela foi contratada para ser secretária da Firma de Advocacia Nelson & Murdock. Karen apaixonou-se por um de seus chefes, Matt Murdock. Porém, a moça não sabia que ele era o Demolidor. O seu sentimento de paixão era mantido em segredo.   

Além de assumir o papel da mulher pela qual o Demolidor se apaixonou, ela também se transformou na donzela em perigo e acabou sendo capturada por inúmeros inimigos do Demolidor.  

Uma vez ela foi capturada por seu próprio pai, o Dr. Paxton Page, que recebeu seus poderes depois de ter ficado exposto a uma forte radiação de cobalto proveniente de uma bomba de cobalto. Paxton assumiu o codinome Cabeça da Morte.

Durante o embate entre Demolidor e Cabeça da Morte, um grande tonel de cobalto começou a vazar e estava colocando a vida de Karen em perigo. Para salvar sua filha, Paxton se jogou na frente dela e empurrou-a para bem longe, sendo atingido pelo cobalto e vindo a óbito.  

Durante o funeral de Paxto, Matt revelou para Karen que ele era o Demolidor.

Karen e Matt começaram a namorar, mas ela havia imposto uma condição ao herói: Ele teria que deixar de ser o Demolidor. A relação dos dois não foi muito longe pois Matt se sentiu na obrigação de voltar a vestir seu uniforme e resgatar vidas. Karen então se mudou para Los Angeles para reconstruir sua vida.  

Veja Também:

Em L.A., Karen presenciou um crime grave, onde todas as testemunhas foram capturadas, torturadas e drogadas até esquecer o ocorrido. Depois desse fato, ela tornou-se usuária de drogas, e para sustentar seu vício começou a trabalhar com filmes pornográficos. Ela também vendeu a identidade secreta do Demolidor para o Rei do Crime, que transformou a vida de Matt Murdock em um verdadeiro inferno.

Depois de passar por muitos problemas, Karen voltou para NY e foi acolhida por Matt. Os dois recomeçaram suas vidas em Hell’s Kitchen.

Karen se curou do seu problema com drogas, conseguiu um emprego em uma clínica de reabilitação e passou a ser uma ativista contra a indústria pornográfica. Matt se reergueu na sua profissão de advogado.

Mas infelizmente, esse relacionamento foi mortal para Karen.  

O vilão Mysterio contratou o vilão Mercenário para sequestrar um bebê que estava sob os cuidados de Karen e do Demolidor.  

No meio da batalha, Mercenário atirou o bastão do Demolidor contra o herói e, em um ato de bravura, Karen entrou na frente de seu amado para protegê-lo. Ela teve o peito perfurado pela arma. Esse ocorrido permitiu que o Demolidor conseguisse derrotar o vilão.  

O velório de Karen Page contou com a presença de muitos heróis da Marvel e também do icônico Stan Lee.

Gwen Stacy

Gwen Stacy caindo do prédio

Gwen Stacy, uma das personagens femininas da Marvel, caindo do prédio. Fonte: Conversa de Gibi.

Gwen Stacy caindo do prédio. Fonte: Legião dos Heróis. Gwen Stacy foi o primeiro grande amor de Peter Parker e também sua primeira namorada. Apareceu pela primeira vez na revista The Amazing Spider-Man #31 em dezembro de 1965.  

Ela foi uma das personagens femininas da Marvel que teve um desenvolvimento muito legal dentro das HQs. Lee transformou Gwen no verdadeiro refúgio da vida de Peter (O Homem Aranha).  

Era ela quem acalmava o seu amado e também servia de consolo em momentos que ele se encontrava extremamente aflito ou triste.  

Stacy também sempre procurava defender seu amado. Um certo dia ela até bateu forte contra o rosto de um colega de faculdade que disse que Peter era um covarde.

Os dois formavam um casal bastante interessante e eram extremamente apaixonados um pelo outro. Gwen costumava cuidar de Peter sempre que ele estava doente. E os hobbies favoritos do casal eram sair pra jantar ou para dançar.

Mas como nem tudo são flores, o namoro deles também passou por grandes provações, assim como a morte de George Stacy. O garoto morreu no meio de uma batalha do Homem Aranha contra o vilão Lagarto. Antes de George morrer, George Stacy disse a Peter que sabia quem ele era e que era para ele cuidar bem de Gwen, pois ela o amava muito.  

George era muito importante para Peter Parker e a morte dele abalou muito o relacionamento com Gwen, pois a garota passou a culpar o Homem-Aranha pela tragédia. Isso deixou Peter dividido entre suas identidades.  

Por conta das atitudes de Gwen, Peter decidiu se afastar um pouco e isso deu abertura para que ela pensasse que ele a tinha abandonado. Por isso, Gwen decidiu mudar-se para a Inglaterra.

No dia da viagem de sua amada, Peter tentou desesperadamente detê-la, mas na mesma hora em que ela estava embarcando, ele teve que salvar a Tia May do vilão Escaravelho. Peter venceu a luta mas acreditava que tivesse perdido sua amada para sempre.  

Na edição seguinte da HQ, ele viajou até a Inglaterra para tentar encontrar Gwen mas não obteve sucesso, pois ele usou dos poderes do Homem Aranha para chegar lá e acabou ficando com medo de que sua amada descobrisse sua identidade secreta. Gwen não aguentou de saudade e voltou para os braços de Peter algum tempo depois.

A garota serviu de porto seguro para Peter Parker mais uma vez. O herói estava enfrentando grandes problemas com seu amigo Harry que havia voltado a usar drogas, e também com o pai de Harry, o vilão Duende Verde.  

Embora o Duende Verde não tivesse muitas memórias da sua vida de super vilão, sempre que sua memória voltava, mais perigoso ele ficava, pois ele conhecia a identidade secreta do Homem Aranha e sabia exatamente como feri-lo.

Gwen demonstrava uma grande evolução como personagem, deixando de ser uma menina mimada e arrogante.  

O grande amor de Peter Parker teve uma passagem breve pelos quadrinhos e acabou morrendo de uma forma brutal.  Ela foi atacada pelo Duende Verde, que a jogou do alto de uma ponte de Nova York. O pescoço de Gwen quebrou em uma atitude desesperada do Homem Aranha de segura-la em sua teia.

May Parker

May Parker, tia do herói Homem-Aranha.

May Parker, tia do herói Homem-Aranha. Fonte. Feedback Magazine.

May Parker ou Tia May, é uma personagem das HQs do Homem-Aranha. Sua primeira aparição aconteceu na revista Amazing Fantasy #15, de 1962.  

May sempre foi retratada como uma idosa frágil, mas na verdade, ela é uma das personagens mais resistentes dentro do Universo Marvel.  

Ela é tia de Peter Parker (Homem-Aranha). O seu nome de solteira serviu de inspiração para o nome do clone de Peter, Ben Reilly, o Aranha Escarlate.

Os pais de Peter desapareceram, e então ele foi morar com May e seu marido, Ben Parker.  

Em um certo dia, Tio Ben foi brutalmente assassinado. Isso afetou diretamente a vida de May, que passou a enfrentar problemas de saúde e também financeiros. Esse fato obrigou Peter a se mudar para a casa de Harry, um grande amigo, pois só assim ele conseguiria concluir seus estudos.  

Depois de Peter ter se mudado, Tia May alugou o quarto do sobrinho para o vilão Dr. Octopus. May e Octopus se apaixonaram e quase se casaram, para desespero de seu sobrinho.

Nos últimos acontecimentos dos quadrinhos, May foi morar com Peter e Mary Jane, pois teve sua casa incendiada. Posteriormente, viveu um romance com o mordomo do Vingadores, Edwin Jarvis.

Mary Jane Watson

Mary Jane uma das personagens femininas da Marvel.

Mary Jane, uma das personagens femininas da Marvel. Fonte: Best Wallpapers.

Mary Jane Watson é uma das personagens femininas da Marvel que faz parte das HQs do Homem-Aranha. Ela é a filha mais nova de Madeline Watson e Philip Watson e sobrinha de Anna Watson, que foi quem apresentou Mary Jane para a vizinha May Parker.

Mary Jane apareceu pela primeira vez na edição 25 da revista do Homem-Aranha, mas seu rosto não foi mostrado. A personagem ganhou características físicas apenas na edição 42, 6 meses depois.  

Isso aconteceu porque os criadores da personagem não conseguiram entrar em um consenso sobre a aparência da nova personagem, Lee gostaria que ela fosse bonita, mas Steve Ditko queria que ela fosse feia para seguir fielmente a história.  

Alguns fãs julgam Mary Jane como uma “anti-heroína”, pois a moça não se encaixa nos padrões de uma “mulher tradicional”. Ela é o retrato fiel da mulher moderna, gosta muito de sair e se divertir, teve vários relacionamentos antes de Peter Parker e possui uma personalidade extremamente forte.  

Mary Jane gostava de seduzir Peter, que sempre caia em seus jogos. Ele chegou a pedi-la em casamento duas vezes, as quais ela recusou dizendo que gostava do herói apenas como um grande amigo. Ela só deu uma chance ao rapaz depois dele salvar sua vida.  

O relacionamento dos dois sempre foi conturbado, cheio de idas e vindas.

Mary Jane aparece também nas histórias do Homem de Ferro, pois trabalha como assistente-executiva das Indústrias Stark.

Pepper Potts

Pepper Potts usando sua armadura que a transforma em Resgate.

Pepper Potts, uma das personagens femininas da Marvel, usando sua armadura que a transforma em Resgate. Fonte: Nerd Tatuado.

Pepper Potts estreou na HQ Tales of Suspense e é uma das personagens femininas da Marvel criadas por Stan Lee.

Ela passou a ganhar um maior reconhecimento dentro das histórias de Tony Stark quando encontrou um erro de contabilidade nas empresas Stark que geraria um prejuízo de milhões de dólares. Rapidamente ela avisou Tony do problema e como reconhecimento ele a promoveu.  

Pepper e Tony acabaram se envolvendo romanticamente, porém, ela casou-se com o segurança de Tony, o famoso Happy.  

O casamento entre os dois durou pouco, pois Happy faleceu.  

Pots chegou a abandonar as indústrias Stark para comandar um grupo chamado a Ordem, onde ela era chamada de Hera.  

A equipe da Ordem saía em missões para derrotar os vilões e usavam tecnologia de ponta para isso, mas logo foi dissolvida pela Iniciativa e Pepper voltou a trabalhar nas Indústrias Stark.

Pepper passou a ter também um trabalho heróico, onde recebeu o nome de Resgate. A primeira aparição da super-heroína aconteceu quando Norman Osborn sequestrou Tony Stark e enviou agentes para impedir que ninguém conseguisse sair das Indústrias Stark para ajudar o Homem de Ferro.  

O que o vilão não esperava é que Tony havia deixado uma armadura feita especialmente para Pepper, chamada de Resgate.

A armadura não possui um grande potencial ofensivo, mas dá a Potts a capacidade de voar e também emite sinais sônicos.  

O Nódulo de Tecnologia Repulsora que fica localizado no centro da armadura, que é ligado diretamente ao cérebro, permite Pepper interagir com vários tipos de energia diferentes, além de aumentar sua força e sua inteligência.

Personagens femininas da Marvel: mulheres incríveis

Viu só quantas mulheres incríveis fazem parte do Universo Marvel?!

Nas inúmeras histórias que fazem parte dos universos da Marvel, seja heroínas ou não, essas personagens femininas da Marvel mostram que as mulheres são fortes e ganham a cada dia mais relevância. Em Vingadores: Ultimato, da Marvel, muitas delas são essenciais no contexto da MCU (Marvel Cinematic Universe).

Aliás, se você gosta do Universo Marvel, veja nosso artigo sobre a cronologia Marvel com a ordem de todos os filmes e séries do MCU.

E você, tem a sua personagem favorita? Força as mulheres!

Assista aos filmes do Universo Marvel no NOW! 🙂